PMDB pessoense faz convenção sem unidade na direção



 Foto: Paraibaonline
A Executiva Municipal do PMDB de João Pessoa reconduziu à presidência do partido o deputado federal Manoel Júnior, mas o evento não conseguiu reunir as principais lideranças partidárias por divergência política internas. O deputado Gervásio Maia não compareceu à convenção e teve seu nome substituído no cargo de secretário geral.

O presidente do PMDB Jovem, jornalista Dihêgo Amaranto agora é o novo secretário Geral do partido e foi alçado como um dos pré-candidatos a vereador nas eleições do próximo ano. Conforme explicações do presidente Manoel Jr. foi aguardado até o prazo regimental a autorização por escrito do deputado Maia, mas como não chegou o nome dele teve que ser retirado da chapa.

Contudo, Manoel Júnior minimizou os fatos e disse que Gervásio é um amigo e sabe dos compromissos políticos que ele tem com o PSB, inclusive, o respeita democraticamente, mas tem certeza que acima de tudo, ele quer um PMDB forte e para que o partido esteja forte precisa ter candidatura própria em 2016.

“O PMDB segue unido e nós precisamos construir a unidade máxima porque independente das diferenças internas, nós temos um propósito maior que é fazer com que o PMDB sempre seja ator principal. Essa história de ator coadjuvante não combina com a história do velho PMDB de guerra, da redemocratização, que fez muito pela Paraíba e continuará fazendo”, destacou.



A partir da sua recondução na presidência do PMDB municipal, o deputado Manoel Júnior disse que agora vai buscar consolidar a candidatura própria buscando fazer aliança com os partidos do campo da oposição a exemplo do PSC, PR, PROS, PP e até mesmo do PSDB, que não esteve presente na convenção.
Fonte: Da Redação de João Pessoa*





Nenhum comentário

Aviso: Os comentários serão moderados...

Tecnologia do Blogger.